Animações e CartoonsHQ - Quadrinhos

Wolverine: O significado secreto brutal por trás do codinome

O significado oculto por trás do codinome Wolverine prova que, apesar de ser o personagem dos X-Men mais querido, ele também é o mais letal.

Wolverine

O codinome do Wolverine revela um significado brutalmente honesto e secreto, desvendado pelo indivíduo que o transformou no invencível e adorado X-Men. As semelhanças entre Wolverine, o amado personagem dos X-Men, e um Wolverine real são abundantes, mas um importante personagem do passado de Logan revela a verdadeira razão por trás de seu codinome.

Em Death of Wolverine #4, publicado em 2014 por Charles Soule, Steve McNiven, Jay Leisten, Justin Ponsor e Chris Eliopoulos, Logan empreende uma invasão a uma instalação de alta segurança em busca do Dr. Abraham Cornelius – o homem responsável por dar a Wolverine seu esqueleto de adamantium. Cornelius está atualmente realizando experiências para fundir adamantium aos esqueletos de suas infelizes vítimas. Sua intenção é criar super-heróis controláveis, como uma forma de redimir-se por ter criado o indomável monstro que é Wolverine. Durante o encontro, o Dr. Cornelius revela a Logan o verdadeiro motivo por trás de seu codinome Wolverine, relacionado à designação taxonômica do animal. O mamífero nortenho possui o nome científico de Gulo Gulo, que em latim significa “comilão guloso“. O animal recebe esse nome devido à sua voracidade, sendo capaz de comer praticamente qualquer coisa. No entanto, para Cornelius, esse significado é muito mais macabro. Ele acusa Wolverine de ser um “devorador da morte” e o considera uma “praga na Terra“.


A transformação em Wolverine fez de Logan um implacável assassino

Wolverine

Se alguém fosse uma autoridade sobre Wolverine, certamente seria a pessoa responsável por sua criação. Wolverine já era um mutante difícil de matar devido ao seu fator de cura, mas foi Cornelius quem o transformou em um assassino implacável. O momento crucial na vida de Logan ocorreu quando seu esqueleto foi fundido com adamantium, tornando suas garras indestrutíveis. Na icônica história “Arma X” em Marvel Comics Presents #72-84, escrita por Barry Windsor Smith, o Dr. Cornelius sequestra Logan e realiza um processo violento de fusão do adamantium em seu sistema esquelético. Embora Logan já fosse um assassino antes do programa Arma X, o trauma de perder sua memória e passar por um renascimento tão doloroso o levou a uma espiral de violência até que ele eventualmente se uniu aos X-Men.


O apetite de Wolverine pela morte diminuiu

Wolverine

Não há dúvida de que Wolverine é o melhor no que faz, e isso inclui o ato de matar. No entanto, considerá-lo apenas um glutão de morte é uma visão limitada. É verdade que, em seus primeiros dias com os X-Men, ele ainda era um assassino. Um dos momentos mais icônicos dos quadrinhos de super-heróis ocorre em Uncanny X-Men #132, escrito por Chris Claremont e ilustrado por John Byrne, quando Wolverine é brutalmente atacado pelo Clube do Inferno. A edição termina com Wolverine quase se afogando no esgoto, suas garras estouradas, enquanto ele declara: “Agora é a minha vez“. No número seguinte, testemunhamos Wolverine dizimando todos os capangas do Clube do Inferno que ousaram enfrentá-lo.

No entanto, ao longo do tempo, Wolverine passou por mudanças. Os dias de fúria descontrolada e matança indiscriminada ficaram para trás. Um ponto de virada significativo ocorreu quando ele se juntou aos Vingadores na bem-sucedida série New Avengers (2004), uma vez que o Capitão América não aceitaria um assassino em suas fileiras. Desde então, Wolverine tem se dedicado mais a ensinar os jovens X-Men a evitar perigos e sobreviver, em vez de usar suas garras para eliminar seus inimigos. O tempo o amadureceu e ele adotou uma postura mais orientada para proteção e orientação, ao invés de ser movido por instintos assassinos.

Embora Wolverine ainda esteja disposto a matar quando necessário, isso não é mais sua característica predominante. A popularidade do personagem decolou em seus primeiros dias, quando ele certamente era visto como um devorador da morte (o que pode dizer mais sobre o público do que sobre o personagem em si). No entanto, Wolverine evoluiu além de ser um assassino frio. Como líder dos X-Men, uma equipe temida e odiada, ele frequentemente se encontra em situações de vida ou morte. Embora suas habilidades e experiência o coloque perto da morte, ele não se define mais apenas por sua propensão para matar.


Publicidade: O site do Atualinerd é um projeto pessoal e precisamos muito do seu apoio para manter nossa página ativa para continuar trazendo notícias e informações, para você não perder a oportunidade de se manter informado.

Venha conhecer nosso canal no YouTube CLIQUE AQUI – Inscreva-se e fique sempre por dentro das novidades da cultura pop! Acesse e divirta-se!

Atilla Battezzati

Criador do site Atualinerd, casado, amo muito jogar vídeo game, assistir animes, ler mangás e quadrinhos, mega fã da Cultura Pop. Gosto muito de trocar ideias com as pessoas e agregar conhecimento como também aprender muito sobre as coisas da vida. Venha conosco e faça parte da nossa Família Atualinerd.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *