Séries

The Last of Us: 8º episódio abraça o terror!

O último capítulo de The Last of Us nos mostra o terror além dos infectados: do slasher sanguinolento ao terror psicológico, o público está acompanhando o impacto emocional que cada cena causa.

The Last of Us

Chegando à reta final, o oitavo episódio de The Last of Us mostrou de forma impressionante o lado mais sombrio da humanidade, para Joel (Pedro Pascal) e Ellie (Bella Ramsey), bem como para os espectadores. “When We Are in Need” explora de maneira brilhante os inúmeros tipos de horror que podem ser causados pelo ser humano para sobreviver – sem a presença de um infectado.


FOLK HORROR

Comunidade de David

É difícil classificar de forma definitiva esse episódio como folk horror ou terror rural, mas é possível destacar seus elementos que remetem a esses gêneros. Obras como Midsommar e A Bruxa usam o paganismo como pretexto, mas, principalmente, o oculto e o misterioso para instigar o espectador até o momento da revelação, que muitas vezes se mostra perturbadora, recorrendo ao terror sobrenatural em meio à natureza. The Last of Us foi muito hábil ao trazer isso de uma maneira sutil em um cenário de apocalipse, sem recorrer a nada mirabolante.

Desde o culto até a cena do jantar, é evidente o sentimento de medo e mau presságio entre os sobreviventes. Os moradores sabem que suas práticas são erradas, mas preferem não se manifestar explícita e abertamente, conduzindo os espectadores até a grande revelação do episódio: eles aderiram ao canibalismo e, ainda pior, alimentam-se da carne de seus próprios membros da comunidade. Embora desconfortáveis com a ideia de se alimentar de carne humana, David tenta esconder essa informação da comunidade, deixando-nos na incerteza de quantos deles estão cientes do que estão comendo.

A série The Last of Us apresenta um adicional único de elemento religioso, de maneira a enriquecer ainda mais a história dessa comunidade e de David. O grupo é formado por saqueadores e sobreviventes, sendo que eles também se alimentam de carne humana, contudo, de maneira bem interessante, como se fosse um hábito natural. O canibalismo também é retratado, mas o que mais chama a atenção é o carisma aterrorizante de David, o que o torna ainda mais arrepiante.


TERROR PSICOLÓGICO

David

Com uma atuação incrível, Scott Shepherd deu vida ao personagem David, um líder tanto administrativo quanto religioso de uma comunidade. Apesar de seu ar calmo e discreto, David é um sociopata que manipula as pessoas com suas palavras. Atualmente, infelizmente, existem diversos exemplos de líderes religiosos envolvidos em escândalos sexuais e outros crimes, o que torna David um vilão ainda mais realista.

Desde o primeiro encontro, David tenta seduzir Ellie com seu carisma sinistro, sabendo que ela é a garota que, ao lado de um adulto, matou um de seus companheiros recentemente. Seus diálogos pairam sobre o divino, pois antes do apocalipse, David era um professor de matemática e, desde então, encontrou a fé no Cordyceps e na natureza selvagem que rodeia o mundo pós-apocalíptico, deixando sua personalidade ainda mais assustadora.

Em alguns casos, a atitude de David de usar o poder para manipular e controlar a comunidade causa-lhe desconforto, no entanto, isso não o impede de prosseguir nessa direção. Ao exemplo da garota que perdeu o pai, a mesma mão que a agride também tenta ajudá-la a se levantar, distorcendo a realidade de Ellie de diversas maneiras. O agressor compara-se a ela, oferecendo cargos e a chance de ser seu pai disfarçado de parceiro. No fim, quando Ellie se recusa a participar da seita, David mostra o seu lado mais sombrio ao tentar a todo custo controlá-la, seja através de ameaças, intimidação ou mesmo matá-la enquanto tentava abusar sexualmente dela.

The Last of Us

David usa artifícios comuns em produções de horror, explorando a violência não explícita através dos diálogos e ações para manipular e distorcer as vítimas. Um exemplo disso é O Homem Invisível, estrelado por Elizabeth Moss, onde a personagem é perseguida por seu ex-marido que foi feito invisível. O filme retrata a manipulação dessa forma, mostrando como a vítima é afetada e como seu agressor tenta controlá-la.

O oitavo episódio apresenta a morte de maneira impactante, com extensos planos do cervo morto e o sangue manchando a neve branca. Ainda, mostra a violência e o gore com corpos de humanos pendurados e a intensa luta entre Ellie e David até o seu desfecho.


SLASHER

The Last of Us

Em comparação com os episódios anteriores, as mortes nesta parte da história são lentas e mais impactantes. Isso cria um sentimento de angústia com os protagonistas separados e num ambiente hostil. Joel, mesmo não totalmente recuperado do ferimento, se mostra frio com os inimigos para obter informações sobre a localização de Ellie. Por outro lado, Ellie tem que lutar para sobreviver ao perigo que David representa.

No terceiro arco, Ellie se transforma na final girl, fugindo e evitando David até que, após uma assustadora sequência, ela consegue finalmente matá-lo de forma totalmente brutal. Esta sequência é uma referência aos filmes de horror clássicos Pânico e Assombração da Noite.

Ellie em choque

A infância e inocência de Ellie foram completamente perdidas quando ela se deparou com as mortes de Riley, Sam e Henry. Agora, ainda mais doloroso, o abuso de David significou que ela terá marcas profundas para sempre. Embora ela possa ser imune ao Cordyceps, descobriu que seu maior Nêmesis era um homem que tentou matá-la de todas as formas possíveis.

Ellie já havia experimentado a dor da perda e da violência anteriormente, mas nunca se sentiu tão ameaçada quanto agora. Após Joel e ela se reencontrarem, a calma que a envolve é quase curativa, pois ela está de volta ao seu lar, onde se sente segura.

Neste domingo dia 12 de março, a primeira temporada de The Last of Us chegará ao fim. O episódio final estará disponível às 22h. E muitos fãs não estão preparados ainda para este fim, já sedentos pelo que ainda vem na segunda temporada.

A série acompanha Joel e Ellie em sua viagem para o oeste dos Estados Unidos em busca da base dos Vagalumes para deixar Ellie com os pesquisadores para desenvolverem uma cura contra a infecção causada pelo Cordyceps que destruiu o mundo como o conhecemos. A temporada também traz à tona temas universais como amizade, amor e redenção.


Publicidade: O site do Atualinerd é um projeto pessoal e precisamos muito do seu apoio para manter nossa página ativa para continuar trazendo notícias e informações, para você não perder a oportunidade de se manter informado.

Venha conhecer o canal no YouTube – CLIQUE AQUI – Inscreva-se em nosso canal e fique sempre por dentro das novidades da cultura pop! Acesse e divirta-se!

Atilla Battezzati

Criador do site Atualinerd, casado, amo muito jogar vídeo game, assistir animes, ler mangás e quadrinhos, mega fã da Cultura Pop. Gosto muito de trocar ideias com as pessoas e agregar conhecimento como também aprender muito sobre as coisas da vida. Venha conosco e faça parte da nossa Família Atualinerd.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *