Dragon BallFilmes

Dragon Ball Z: Goku enfrenta o irmão de Freeza

No 30º aniversário tivemos Dragon Ball Z: Cooler’s Revenge, aqui está uma retrospectiva da batalha de Goku com o malvado irmão mais velho de Freeza.

Dragon Ball Z Cooler

Enquanto Freeza é um dos vilões mais proeminentes e temíveis de toda a série de Dragon Ball, aquele que passou de um tirano megalomaníaco interestelar a pseudo aliado improvável, que retornou à franquia shonen de Akira Toriyama, o inimigo extraterrestre nunca estava sozinho, pois ele sempre teve uma família o tempo todo.

Fazendo sua estreia no filme de anime de 1991 Dragon Ball Z: Cooler’s Revenge, que completa 30 anos este ano, nos apresentava o irmão mais velho de Freeza. Cooler foi o primeiro vilão do filme que Goku encarou com a transformação de Super Saiyajin completo e viria a se tornar o primeiro vilão que Goku e os guerreiros Z enfrentariam em mais de um filme, apresentado dois anos antes da estreia de Broly. E embora o lugar de Cooler no cânon oficial de Dragon Ball ainda esteja em debate até os dias de hoje, o filme nos trás uma história emocionante mesmo três décadas após sua estreia no Japão.

Dragon Ball Z Cooler

Dirigido por Mitsuo Hashimoto, Cooler ‘s Revenge traduzido no literal (A Vingança de Cooler) começa com a revelação de que Freeza tem um irmão mais velho que estava em outra parte distante da galáxia aterrorizando e dominando outros planetas. Isso fica evidente com Cooler se recusando a intervir e ajudar Freeza a erradicar os Saiyajins, inadvertidamente resultando em Goku fazendo seu caminho seguro para a Terra como um bebê. Décadas depois, Cooler descobre que um Super Saiyajin da Terra matou seu irmão mais novo e viaja ao planeta para vingá-lo, encontrando Goku e os guerreiros Z enquanto eles desfrutam de um acampamento apenas para testemunhar o poder de um Super Saiyajin em primeira mão.

Uma das coisas mais impressionantes sobre a Vingança de Cooler é que Goku foi colocado de lado em grande parte do filme, depois de ser pego de surpresa no início por um ataque do próprio Cooler. Isso deixa a maior parte das batalhas focadas em Gohan, Kuririn e Piccolo, enquanto eles lutam para ficar um passo à frente dos capangas de Cooler antes que o próprio Cooler decida se juntar a eles. Enquanto a maioria dos fãs se lembram do filme pelo clímax da luta entre Goku e a forma final única de Cooler, Cooler’s Revenge é realmente uma vitrine para Piccolo, com o guerreiro namekuseijin revelando o quão poderoso ele se tornou desde a fusão com Neil em Namekusei na saga de Freeza.

Dragon Ball Z Cooler

Cooler’s Revenge fez tanto sucesso que o próximo filme de Dragon Ball Z, lançado oito meses depois, em março de 1992, foi uma sequência direta com o nome Dragon Ball Z: The Return of Cooler, com o vilão ressuscitado em uma forma metálica poderosa enquanto ameaçava um ataque na Nova Namekusei . Embora o status canônico de Cooler’s Revenge nunca tenha sido confirmado com Frieza e seu pai Rei Cold nunca reconhecendo a existência de Cooler na série principal de anime, os eventos do filme não contradizem diretamente a história do anime, e é presumivelmente ambientado durante o período de treinamento de três anos antes da chegada dos andróides. O próprio Cooler ainda faria outras aparições não canônicas no OVA Dragon Ball: Plano para Erradicar os Saiyajins, Dragon Ball Super Heroes, Dragon Ball GT e em vários outros games da franquia como Dragon Ball FighterZ por exemplo.

Enquanto Freeza aproveitou a ressurreição após o Torneio do Poder em Dragon Ball Super, Cooler permanece visivelmente ausente da franquia, ressaltando ainda mais a possibilidade de que o filme Cooler’s Revenge silenciosamente não faz parte do cânone oficial. Independentemente de seu lugar na continuidade, “Cooler’s Revenge” é um filme de DBZ mais enxuto e rápido, dando a Goku um de seus oponentes cinematográficos mais memoráveis ​​enquanto constrói ainda mais a ameaça de Freeza e sua família. Levando Goku a seu primeiro grande teste depois de alcançar a transformação Super Saiyajin, Cooler’s Revenge ainda é o favorito dos fãs 30 anos depois e tem ótimos motivos para isso.

Atilla Battezzati

Criador do site Atualinerd, casado, amo muito jogar vídeo game, assistir animes, ler mangás e quadrinhos, mega fã da Cultura Pop. Gosto muito de trocar ideias com as pessoas e agregar conhecimento como também aprender muito sobre as coisas da vida. Venha conosco e faça parte da nossa Família Atualinerd.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *