Dragon BallMangá

Dragon Ball Super: Bardock salvou Granola da morte !?

A interpretação de Bardock em Dragon Ball Super: Broly tornou possível essa reviravolta em relação ao inimigo de Goku, Granola, no capítulo 76 do mangá principal.

Dragon Ball Super Bardock

Em Dragon Ball Super, o Namekuseijin Monaito apenas tentou convencer Granola a parar de lutar contra Goku, e por extensão Vegeta, revelando que o pai de Goku, Bardock, salvou os dois do genocídio em massa há 40 anos atrás.

Granola está obcecado em buscar vingança contra a raça Saiyajin desde que eles massacraram seu povo pelas ordens do tirano Freeza. Quando o Granola descobriu sobre a existência de Goku e Vegeta, ele os enganou para virem ao Planeta Cereal para que ele pudesse realizar sua vingança, um ato de retribuição que ambos os Saiyajins foram incapazes de reprimir, mas que Monaito pode ter conseguido alcançar.

Monaito não sabia sobre a batalha que estava acontecendo até que por acaso tropeçou na violência de Granola por acidente no final do capítulo 76 do mangá. É compreensível porque Granola escondeu seu plano de erradicar os dois Saiyajins de Monaito. O Namekuseijin criou suas próprias Esferas do Dragão do Planeta Cereal, aconselhou Granola a não usá-las como uma ferramenta de vingança, mas é óbvio que o Cerealjin foi contra o bom senso do Namekuseijin quando Granola fez seu desejo de se tornar o guerreiro mais forte do universo. Monaito é uma figura de avô para Granola e o Cerealjin obviamente não queria desapontá-lo, mas estava tão dominado por sua raiva pelo que aconteceu com seu povo que ele não conseguiu se conter. Ele até aceitou a pena de perder a maior parte de sua vida em troca de seu desejo. Embora atualmente não se saiba por que Monaito escondeu em contar a Granola a verdade sobre como eles sobreviveram ao genocídio dos Cerealjins até agora, o Namekuseijin obviamente não queria que Granola matasse o filho de seu salvador sem saber a verdade.

Dragon Ball Super Bardock

Embora no mangá de Dragon Ball Super não tenha divulgado os detalhes de porque o Saiyajin Bardock salvou um Cerealjin durante a missão pelas ordens de Freeza para destruí-los, isso humaniza seu personagem. No reboot visto na adaptação cinematográfica de Dragon Ball Super: Broly, Bardock obviamente ama sua família o suficiente para alertá-los de suas suspeitas sobre Freeza e traçar um plano para salvar seu filho, que mais tarde seria conhecido como Goku. Mas, o mais importante, seu tratamento com outras espécies não é mostrado, ao contrário de seu retrato original em Bardock: O Pai de Goku que era mais implacável e indiferente para com seus inimigos, por isso ele foi amaldiçoado por seu oponente derrotado para ver o futuro. É bem possível que Bardock fosse muito mais cuidadoso, como sugere em Dragon Ball Super, e a ambigüidade no filme de Broly mostra isso.

Curiosamente, é óbvio que Bardock não poderia ter realizado um resgate tão ousado durante os eventos do filme de Broly quando ele começou a suspeitar do plano de Freeza para erradicar os Saiyajins. Ele é visto pela primeira vez voando de volta para o planeta Vegeta e permanece lá o tempo todo. Portanto, não é como se a decisão de Bardock de salvá-los pudesse ter sido alimentada por suas suspeitas sobre Freeza em um último esforço para miná-lo. Este foi um ato puramente realizado pela bondade de seu coração. Na verdade, é possível que a batalha da qual Bardock estava voltando para casa no início do filme fosse o planeta Cereal. Ambos os eventos aconteceram na mesma época.

Independentemente disso, o Namekuseijin Monaito provavelmente revelará no próximo capítulo toda a verdade por trás do que aconteceu naquele dia fatídico quando Bardock resgatou a ele e Granola há 40 anos no passado. Também há uma boa chance de confirmar a teoria dos fãs de que Goku e Vegeta se juntarão a Granola e então possivelmente lutarão contra Freeza. Mais importante, é o fato que no filme de Broly foi deixado o personagem de Bardock aberto para ser mais bondoso com seus inimigos o que permitiu que essa reviravolta inesperada acontecesse agora no mangá.

Atilla Battezzati

Criador do site Atualinerd, casado, amo muito jogar vídeo game, assistir animes, ler mangás e quadrinhos, mega fã da Cultura Pop. Gosto muito de trocar ideias com as pessoas e agregar conhecimento como também aprender muito sobre as coisas da vida. Venha conosco e faça parte da nossa Família Atualinerd.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *